top of page

Yasmin Santos de Queiroz de 25 anos e o pai dela são mortos pelo ex namorado.

Vídeo mostra mecânico armado antes de assassinar ex-namorada: 'já matei o seu pai, agora é você'


Esposa e mãe das vítimas testemunhou o crime em Miracatu (SP).


Ela contou à polícia que o autor dos disparos foi o ex-namorado da filha. João Carlos foi encontrado por PMs e prestou depoimento na delegacia.


Vídeo, nesta terça-feira (14), que mostra o mecânico João Carlos, de 29 anos, indiciado por matar a ex-namorada e o pai dela a tiros em Miracatu (SP), empurrando a jovem e pedindo desculpas antes de disparar contra a vítima, que pediu para não matá-la.


O atirador respondeu: "Já matei o seu pai, agora é você". Em depoimento na delegacia, o suspeito disse não lembrar do crime. A Polícia Civil pediu a prisão temporária dele.


Yasmin Santos de Queiroz, de 25 anos, e o pai dela, o funcionário público Francisco Xavier Marques de Queiroz, de 60, foram mortos na casa da família, na Rua Joaquim Pedroso, na noite de sábado (11). A esposa e mãe das vítimas testemunhou o crime.


A Polícia Civil pediu a prisão temporária de João Carlos, que foi encontrado por PMs que estavam próximo a um sítio no bairro Pascoval, na madrugada de segunda-feira (13).


Ele foi conduzido à delegacia para depoimento.


A arma usada nos assassinatos não foi encontrada.


O delegado Carlos Eduardo Eiras Alves afirmou ao g1 que, em depoimento, João Carlos disse não lembra de nada o que aconteceu.


"Ele foi indiciado por feminicídio, homicídio qualificado, no descumprimento da medida protetiva e vamos analisar uma agressão contra a mãe dela que ele praticou lá".


Segundo Alves, a esposa e mãe das vítimas é a principal testemunha do caso, que deve prestar depoimento em breve.


"Ele não trouxe a motivação para a gente não.


Falou que a medida protetiva já tinha sido quebrada, pois eles tinham reatado o relacionamento".


A esposa e mãe das vítimas, de 54 anos, estava em casa no momento do crime.


Depois dos assassinatos, em depoimento à polícia, ela contou que Francisco e Yasmin estavam deitados quando o ex-namorado da filha chegou, arrombou a porta da cozinha e entrou no imóvel, na noite de sábado (11).


De acordo com o relato da mulher, Francisco foi o primeiro a ser baleado.


Com o barulho da porta, ele foi ver o que havia acontecido, quando encontrou com o atirador. Ao todo, foram efetuados três disparos na vítima.


Depois, o mecânico foi ao quarto onde estava Yasmin e levou a jovem para o quintal de casa. Ele também atirou três vezes contra a jovem.


Na sequência, o homem fugiu de carro.


Os PMs informaram à Polícia Civil que as duas vítimas pareciam estar mortas e acionaram o pronto-socorro da cidade.


Uma ambulância foi enviada com uma equipe de resgate e os profissionais constataram a morte do pai e da filha.


O Instituto de Criminalística (IC) foi acionado e realizou a perícia.


O caso foi registrado como feminicídio, violência doméstica e homicídio na Delegacia de Miracatu.


O motivo das execuções ainda será esclarecido após o depoimento formal da mãe e esposa das vítimas.


Veja o Video:



A Igreja Ministério Manancial de Guariba (Pastor Rubinho) esta recebendo doações para serem encaminhados para SOS Rio Grande do Sul.


Arrecadação: Alimentos não pereciveis, Roupas calçados e rações:


Local de Entrega: Av. Santos Dumont 434, Vila Pacifico


Obs: Sou João Pacharra Diretor do Noticias Guariba e supervisor do Cemiterio Municipal de Guariba


Se acaso voce não tiver condições de entregar na igreja, informo que pode ser entregue no escritório do Cemiterio Municipal de Guariba que está aberto das 07:00 ás 17:00 horas que encaminharei para a igreja as doações.






Yorumlar


bottom of page